h1

Non smoking

April 14, 2009

Todo mundo já sabe que a Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou no último dia 7 o projeto de lei antifumo do governador José Serra (PSDB), que proíbe o consumo de cigarro e similares em recintos coletivos do Estado de São Paulo. A proposta ainda depende da sanção ou veto do governador, que deve acontecer até sexta (17). Também foi aprovada emenda que prevê um prazo de 90 dias para que a lei entre em vigor.

Mas enquanto isso não acontece, transcrevo abaixo um trecho do livro “Tratado de Civilidade e Etiqueta”, da Condessa de Gencé (Livraria Editora Guimarães & Cia, Lisboa, 11a Ed., c. 1940), que ensina aos cavalheiros como proceder ao fumar em público. Vejamos:

Fumar: Entre nós, raro é o homem que não fuma. Antigamente, não se fumava diante das senhoras. Hoje, ainda, na rua, numa sala ou em viagem, o homem pede naturalmente licença para fumar:
— Incomoda-a o fumo, minha senhora?
Mesmo que esse fumo a incomode, ela responderá:
— Absolutamente nada!
Só quando, por motivo de donça, o fumo possa prejudicar, a senhora poderá responder:
— Creia que sinto muito privá-lo desse prazer, mas receio que o fumo me faça mal.
De resto, o homem bem educado não pede licença para fumar a uma pessoa doente.

O livro é um guia de boas maneiras escrito no início do século 20, de autor desconhecido, possivelmente vários, que assinava como Condessa de Gencé e escreveu outras obras semelhantes. O compêndio de 170 páginas traz regras de comportamento para a vida em família, no trabalho, às refeições etc. Ensina ainda fórmulas para escrever cartas e dá dicas de como se vestir em diversas ocasiões. O livro, cujo original era francês, foi editado em Portugal pela primeira vez em 1909. No Brasil, foi utilizado no ensino Normal entre as décadas de 30 e 60. Abaixo, mais um trecho, ainda sobre o fumo:

O homem não deve falar a uma senhora conservando  o cigarro ou o charuto na boca. Dissimula-o ou deita-o fora se pára para conversar.
Se o homem ignora esta regra de delicadeza, a senhora não deve, de forma alguma, fazer-lho notar. Limitar-se-á a terminar a palestra.

O site Estante Virtual, de venda de livros usados, tem exemplares do “Tratado de Civilidade e de Etiqueta”; veja aqui.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: